Adeus Dispareunia!

Olá pessoal,

Hoje a história de uma paciente que desde a sua primeira vez sentia desconforto na hora da relação! 😟 Durante muitos anos ela sofreu com a Dispareunia! Mas afinal o que é Dispareunia? Dispareunia é quando a mulher sente dor na hora da relação sexual, por um período superior a 3 meses. Muitas mulheres pensam que isso é normal, mas não é! Se há dor e desconforto é sinal que algo está errado! É necessário buscar ajuda especializada!

A minha paciente digo que sua conquista também é nossa! 😊🎉

Agradeço a Dra Daniela!

Grande beijo! 😘

woman-593141_1280

Começo escrevendo esse depoimento com lágrimas nos olhos, pois não acreditava que um dia teria fim esse desconforto. Pois bem!!!

Tenho 34 anos e minhas dores começaram na minha lua de mel (minha primeira vez). Senti um desconforto grande, mas achei que era normal por ser a primeira vez e que com o tempo melhoraria. Mas não aconteceu.

Todas as vezes em que tínhamos relações eu sentia um desconforto, como se estivesse fechado dentro de mim, mas sempre tinha relações mesmo com dor. Com o tempo melhorou um pouco, e nisso engravidei, mas depois da gestação tudo voltou e aquela sensação também de dor.

Busquei ajuda com meus ginecologistas e eles diziam que era coisa da minha cabeça e que tomando um vinho eu iria relaxar. Coisa que nunca aconteceu. Até que encontrei um médico e ele me diagnosticou com Vaginismo e que precisa de terapia sexual para me ajudar. Fiz 6 meses de sessões, mas não resolveram e me deixaram mais frustrada. Fiquei um ano assim depois da terapia, sempre me sentindo culpada por não ser do jeito que tinha que ser. Até que procurei na internet e achei a clínica da Dra. Débora Pádua e lá lendo os relatos e vendo os vídeos me identifiquei e liguei e marquei uma avaliação.

As meninas da recepção sempre atenciosas. No dia marcado fui recebida com carinho e logo fui atendida pela Dra. Débora. Ela foi muito atenciosa e respeitosa com os meus limites. Me examinou e disse que tinha Dispareunia e que precisaria de 12 sessões. Depois de 5 meses da avaliação comecei meu tratamento com a Dra Daniela Aurélio.

Na primeira consulta ela me recebeu com um sorriso encantador e com muito carinho, me deixando confiante. Respeitou meu limite do dia e começou os exercícios. Terminando a primeira sessão vi que foi um avanço e que era possível. Fiz os exercícios passados para fazer em casa e a cada semana via que tinha um avanço e uma conquista nova. Ficava cada dia mais empolgada. Quando estava na décima sessão ela me liberou para fazer exames ginecológicos, e para minha surpresa, ocorreram tudo bem, sem dor e desconforto. Minha alegria foi imensa e ao contar para a Dra Dani, ela me parabenizou.

Na décima primeira sessão fui liberada para ter relação. O medo tomou conta de mim, mas a empolgação que quando aconteceu, fazendo tudo como foi orientado pela Dani, consegui ter a relação, mas com desconforto e com isso uma angústia tomou conta de mim e achava que eu não conseguiria ter uma vida sexual saudável, sem dor. Foi aí que onde seria minha última sessão a Dra Dani disse que eu estava preparada e bem, mas por causa da minha insegurança e não ter tido mais relações, ela me indicou mais 3 sessões.

Comecei a fazer o que foi pedido, a Dra Dani sempre me mostrando que eu não tinha perdido nada do tratamento e que eu estava sim preparada! Fui ficando mais segura, mais à vontade e quando chegou a décima quinta sessão, recebi a tão esperada alta! Quando a Dra Dani me disse que estava de alta e estava de parabéns por essa conquista, senti uma alegria enorme e uma vontade de gritar para todo mundo ouvir, de tão grande que era essa alegria.

Hoje eu sei que realmente estou curada e que só tenho a agradecer a Deus e a Dra Dani por todo carinho, conversa, puxada de orelha, conselho e todo o tratamento que fez comigo. Agradeço a equipe da Dra Débora Pádua que são sempre atenciosas com todos!

Vou sentir saudades das risadas que demos juntas, mas sei que a Dra Dani me ensinou a ser uma nova mulher. Uma mulher realizada por conseguir ter relações sem dores ou desconforto!
Muito, muito obrigada a todas e que Deus possa abençoar a cada um nessa clínica maravilhosa!!!

Acredite, Dispareunia tem cura. Busque o tratamento adequado e se sentirá muito melhor!!!

O que é Vaginismo – Sintomas, Causas, Diagnóstico e Tratamento

Saiba +

Vídeos - Conheça mais sobre Vaginismo e Dor na Relação

Saiba +