Após uma cirurgia um pesadelo começou!


Esta paciente foi um caso um pouco diferente, pois ela tinha vida sexual normal até se submeter a uma cirurgia que teve complicações no pós operatório. A partir disso seu mundo se transformou em pesadelo.
Quando esta paciente chegou até mim foi muito legal, uma menina linda, um pouco tímida e com uma vontade imensa de melhorar!
A cada sessão percebia sua dedicação aos exercícios, chegava no horário correto sempre e fazia tudo que eu pedia e foi depois de somente 10 sessões que dei alta a ela sem dores e sentindo prazer novamente!!!
Querida obrigada por todas as palavras de carinho e também pela confiança.
Beijo enorrrrrme

No meio do ano passado fiz uma videolaparoscopia para iniciar o tratamento da endometriose e exatamente 1 mês depois tive uma complicação que me levou ao P.S. Ginecológico, pois estava sangrando muito e não sabia o motivo. Nessa complicação tive que passar por um momento muito traumático, pois o Dr. tinha que me examinar para saber o porquê do sangramento. Foi horrível, um pesadelo acordada. Até que ele descobriu se tratar de uma laceração de fundo de saco vaginal, decorrente da videolaparoscopia. Fiquei os 40 dias e até mais de repouso e sem relação sexual. Tinha muito medo dos pontos internos se abrirem. Depois de mais ou menos 60 dias voltei a ter relação sexual. Sentia um pouco de dor, mas principalmente sentia um medo terrível pois a penetração me remetia ao trauma da complicação. O tempo foi passando e eu não conseguia mais ter penetração (consegui umas 2 ou 3 vezes no máximo e cheguei a fazer exame de pós operatório). Sempre tentei a penetração, pensava comigo “vou relaxar que vai dar certo” e eu estava super preparada, pois eu conseguia relaxar. Pelo menos era o que eu sentia/achava, mas não dava certo, nem perto de chegar a dar certo. Eu sentia vontade, sentia tesão e dizia para ele tentar a penetração quando eu me sentisse “muito bem”, mas nada. Além de não ir, uma dor absurda. Um dia, conversando com uma amiga, e nem era sobre o assunto, ela comentou que uma conhecida não conseguia ter penetração com o marido: “sei lá, acho que ela tem uma ´doença´… acho que é vaginismo, alguma coisa assim”. E aí fiquei curiosa de saber o que era vaginismo. Nunca tinha ouvido falar! Nos últimos tempos tinha pensado em várias hipóteses: psicológico, alergia à camisinha, alguma DST. Mas nada me convenceu e deixei para lá, até esse dia. A primeira referencia que tive foi a Dra. Debora. Liguei imediatamente e marquei uma consulta. Mega nervosa. Super ansiosa. A Dra. Debora tem um carisma que me deixou muito tranquila para falar sobre o assunto! Ela me indicou a fazer as 10 sessões e saí de lá com as marcações e mais ansiosa para começar logo! Quem não fica?! O tratamento foi MARAVILHOSOOO, o início foi como eu esperava, não foi fácil, mas eu sentia a evolução a cada sessão. As conversas, os esclarecimentos, o conhecimento que a Dra. Debora tem me tirou dúvidas, me deixava tranquila, é esclarecedora, objetiva. Ela é tão natural, fala com muita naturalidade, como deve ser. Ela fez com que eu quebrasse inúmeros tabus. Ela me fez entender que o sexo faz parte de todos nós, é para o homem e para a mulher. Que fazer sexo não é errado e nem feio. Que pensar em sexo não é errado e muito menos feio. Se conhecer não é errado e é bom, fantástico (e não é feio). Posso afirmar que depois das sessões eu estou preparada, curada (não sei se é a palavra certa!) e muito animada! Feliz demais por ter conseguido voltar a ter penetração, e mil vezes melhor por ter quebrado diversas barreiras. Tenho uma admiração enorme pela Dra. Debora, não só por ter me tratado, mas por ser tão dedicada, preocupada, competente. É nítido o amor, a paixão que ela tem pela profissão e o comprometimento no caso de suas pacientes. Estive em boas mãos e sou muito grata por tudo que a Dra. Debora me proporcionou e que vou levar para a vida! 1 ano e meio depois, voltei a ter penetração na relação, e melhorou 10000000%! Obrigada Debora! Você é, além de excelente profissional, uma mulher maravilhosa que tive o prazer de conhecer! Parabéns pelo ótimo trabalho e obrigada! Muito obrigada!!!