Depoimento de uma paciente minha com Vaginismo!


Olá pessoal!
Hoje tenho uma história para contar de uma paciente que chegou para mim com vaginismo considerado grave pois nada entrava nela e iniciamos seu tratamento e agora ela teve alta.
Quero compartilhar com vcs o depoimento dela para que entendam que não estão sozinhas e que o Vaginismo tem cura sim!
Grande beijo!!!
Essa é a minha historia sobre vaginismo.
Quando eu tinha 22 anos, comecei a namorar e fui tentar ter minha primeira relação sexual, mas foi um fracasso, tentamos muiiiitas vezes, foram 2 meses tentando e NADA, sentia dor só de tentar a penetração, então ele parava. Meu relacionamento não durou 4 meses e depois disso, nunca mais tentei ter relação com ninguém durante 3 anos. Eu sempre achei que poderia ser uma coisa psicológica e nunca conversei com ninguém sobre isso, até que um dia, ano passado em Dezembro, eu resolvi falar com a minha mãe sobre o assunto e ela ficou super assustada e começou a procurar na internet o que poderia ser, até surgir a palavra “VAGINISMO”, começamos a ler, procurar tudo sobre o assunto, fui em uma ginecologista e ela disse que eu poderia ter isso mesmo, mas não me indicou fisioterapia, me disse apenas para eu me autoconhecer, mas eu mesma não conseguia por o dedo no meu canal vaginal, como eu sozinha iria me tratar? Procurei na internet tratamento e descobri a fisioterapia e resolvi começar a fazer. Cheguei na Dra. Débora sem nunca ter tido uma relação sexual, eu era virgem ainda e não estava namorando. Comecei a fazer o tratamento em Fevereiro, confesso que nas primeiras sessões pensei em desistir, sentia dor quando colocava o eletrodo e achava que não ia dar certo, mas ai em Março me apaixonei e comecei a namorar, quando estava na 9° sessão, fui liberada para ter minha primeira relação sexual, e sim, eu consegui!!!! Não conseguia nem acreditar que estava vivendo aquilo, fui muito bem preparada para isso, não senti dor, nem ardência, nada, apenas prazer. Fiz no total 15 sessões de fisioterapia e essa semana tive alta. Sou muito grata a Dra. Débora por toda paciência, competência e por ter me ajudado a superar um problema no qual eu achei que nunca teria solução.
Querida adorei sua história e sei o quanto vc se esforçou e foi disciplinada para que o Vaginismo tivesse fim em sua vida. 
Agora é só aproveitar!!!
Beijo enorme :)